Presidente do Chile diz não compartilhar com Jair Bolsonaro sobre ditadura, frases “são tremendamente infelizes”


Um dia após a visita oficializada do presidente Jair Bolsonaro (PSL), para o presidente do chile Sebastian Piñera, que fez um comentário sobre as frases do Jair Bolsonaro, que segundo ele “são tremendamente infelizes”, sobre as ditaduras latino-americanas.

Sebastian Piñera, falou “quem procura osso é cachorro”, citou uma das frases que foram usadas pelos grupo de Direitos Humanos que solicitavam a saído do presidente brasileiro do Chile e “muito do que Bolsonaro diz sobre o tema”, ele diz não compartilhar.

Mesmo discordando em alguns ponto, para o líder de governo chileno, ambos concordam com os temas econômicos  “Temos discrepâncias profundas em algumas áreas e coincidências importantes em outras, como “os temas de modernização da economia e de recuperação de equilíbrios fiscais”, afirmou.